sábado, 3 de novembro de 2007

ILUSÃO DE ÓTICA

Daí você chega em casa, olha pra sua mulher, fica balançando a cabeça e resmungando interiormente:

- Putz! Se ela tivesse uma bunda lisinha igual a daquela artista, como é mesmo o nome da gostosa...? Putz, não consigo mais lembrar! Acho que estou com Alzheimer!

Mais tarde, já que a patroa tem sexto sentido, adivinha seus pensamentos e resolve dar uma de difícil e pra se vingar vira pro lado e dorme, você levanta e vai navegar na rede. Entra nos principais portais e nas matérias de hoje descobre quão dura é a realidade. Acaba concluindo que uma celulitezinha não é assim tão grave, olhando bem é até perdoável. Afinal, até a gostosa tem. E a manchete, saltitante na sua telinha, acaba lhe dando a cura imediata do seu mal de Alzheimer:

- Putz! Como não lembrava o nome dessa gostosa: Juliana Paes, meu Deus!
Volta pra cama, interiormente arrependido, com a consciência disposta a qualquer penitência que a patroa lhe imponha. Tarde demais... ela dorme já profundamente.

2 comentários:

Anônimo disse...

e pensar que ela era essa coca-cola toda...

Laercio disse...

mesmo assim eu tinha coragem...